About

NÃO RECOMENDÁVEL À MENORES DE 18 ANOS E PESSOAS SENSÍVEIS. SE VOCÊ NÃO TEM ALGUM ED, POR FAVOR, SAIA. NÃO ME RESPONSABILIZO POR QUAISQUER DANOS ADQUIRIDOS COM A LEITURA DO MESMO. AS INFORMAÇÕES CONTIDAS NESSA PÁGINA SÃO APENAS RELATOS DE SITUAÇÕES VIVIDAS PELA AUTORA.

quarta-feira, 20 de agosto de 2014

(Sem título)

Só queria postar aqui um pensamento idiota. Espero até que não leiam.
Eu tava discutindo (educadamente) com um ex-colega de escola (não somos amigos, mas conversamos com frequência) sobre alma e pós-vida e reencarnação. Eu não sei se acredito. Tenho um pézinho no hinduísmo, mas não sigo nada.
Às vezes torço pra que outras vidas existam (e eu tenha a chance de ser feliz), às vezes torço pra que tudo acabe aqui (e eu não tenha que passar por mais nada).
Bom, é aí que me veio essa coisa na cabeça.

Por que o ser humano tem tanta dificuldade em aceitar que a vida simplesmente possa ter um fim? Que a gente morre e não vai ter luz branca, anjos, céu, inferno, alma, um outro plano, reencarnação, julgamento, oportunidade de consertar os erros?
A gente se julga muito especial, acha que é impossível um serzinho egoísta assim deixar de existir? Ou simplesmente torce pra ter a chance de ser feliz de novo, de reencontrar pessoas que se foram? É uma esperança de ter uma vida diferente, fazer tudo de outro jeito? Escapismo?

Eu não sei se eu tô preparada pra começar tudo de novo.

Um comentário:

  1. O problema nem eh tanto acreditar.. eh querer forçar as outras pessoas acreditarem e taus.. eu sou da igreja sabe, mais vivo minha vida do meu jeito, trabalho, xingo, ajudo as pessoas, uso pircings e cabelo colorido e não ligo pra isso, se vc acredita em santo blz! se eh ateu blz tbm .. :* Gostei do post, força borboleta ^^

    ResponderExcluir